REMBRANDT E A ARTE DA GRAVURA

A exposição reúne noventa gravuras originais de Rembrandt, pertencentes à coleção do Museu Casa Rembrandt de Amsterdã. Buscando mostrar a genialidade do artista nas técnicas da água-forte e da ponta-seca, os curadores Ed de Heer e Pieter Tjabbes fizeram uma cuidadosa seleção que permite apreciar como o artista inovou a técnica, ao fazer mais uso dos efeitos pictóricos do que da linha. Temas bíblicos, paisagens, cenas da vida cotidiana e retratos feitos por esse artista genial são exibidos com duas placas de impressão originais e mais um conjunto de quarenta gravuras daqueles que foram seus precursores e sucessores. Curadoria de Ed de Heer e Pieter Tjabbes.

Locais e datas de realização:
Centro Cultural Banco do Brasil, Brasília, DF – jun.-ago. 2002
Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo, SP – set.-nov. 2002
Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, RJ – mar.-maio 2003
Museu Oscar Niemeyer, Curitiba, PR – maio-jul. 2004
Espaço Cultura da Unifor, Fortaleza, CE – mar.-jun. 2007
Museu de Arte do Espírito Santo (MAES), Vitória, ES – mar.-maio 2010

Público: 434.000

Escolha o Idioma